top of page

Respiradores: Sargento Lima indignado


Deputado de Joinville inconformado com a impunidade no caso da compra dos respiradores


O deputado estadual Sargento Lima (PL), que presidiu a CPI dos Respiradores, utilizou as redes sociais para desabafar e compartilhar sua indignação com o que chamou de silêncio da grande mídia com a decisão da Secretaria da Saúde de absolver os envolvidos na compra dos respiradores durante a pandemia.


No total 14 empresários e agentes públicos estiveram envolvidos na compra por parte do governo catarinense de 200 respiradores por R$ 33 milhões em março de 2020. Os aparelhos, que seriam usados em pacientes com a Covid-19, foram pagos antecipadamente e nunca chegaram ao estado.


O parlamentar presidiu a CPI dos respiradores que apontou que houve crime de responsabilidade na aquisição dos equipamentos. Tanto que um processo de impeachment foi aberto na Assembleia Legislativa contra o governador Carlos Moisés. Após articulações políticas, no entanto, o governador escapou ileso.


Na terça-feira (14/06), todos os envolvidos na compra dos respiradores, incluindo-se o governador, foram absolvidos pela Secretaria da Saúde, que havia instaurado um processo para avaliar responsabilidades. Após a conclusão, a única punição foi para uma servidora que ficou 15 dias afastada das atividades.


" Um dos dias mais tristes pra mim dentro da política, um dia que eu fiquei muito aborrecido. A que ponto que nós chegamos em Santa Catarina". Refletiu Lima.





192 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


bottom of page