top of page

CVJ aciona OAB contra Advogada de Mauricinho Soares


foto: CVJ


Na tarde de sexta-feira (16/02), a mesa diretora da Câmara de Vereadores de Joinville, composta por Diego Machado (Presidente), Érico Vinícius (Vice-Presidente) e Luiz Carlos Sales (Secretário), entregou uma representação à Ordem dos Advogados do Brasil, subseção de Joinville. O documento foi recebido pelo Presidente da OAB, Oliver Jander Costa Pereira, e por Rafael Luiz Siewert, membro da Comissão Nacional de Defesa das Prerrogativas e Valorização da Advocacia.


A representação detalha o comportamento da advogada,Milena Tomelin, que representa Mauricinho Soares, detido pela Polícia Civil no final do ano passado, em relação aos servidores e vereadores da Câmara. A mesa diretora expressou preocupação com as interações da advogada, tanto durante as atividades da comissão em que está envolvida quanto em outras situações mencionadas por funcionários do legislativo. A ação da mesa diretora foi motivada pela proteção dos membros da Câmara, diante dos relatos frequentes de incidentes por parte de servidores em diferentes áreas do legislativo, incluindo casos de intimidação em gabinetes.


Um extenso conjunto de evidências que sustenta as alegações da Câmara foi compilado e entregue à OAB. A entidade assegurou que a Câmara de Vereadores está respeitando todas as prerrogativas necessárias para o exercício profissional da advogada, especialmente no que diz respeito à sua representação do cliente na casa legislativa, Mauricinho Soares. A OAB afirmou que vai examinar o que foi relatado pela mesa diretora antes de tomar qualquer medida.


A advogada Milena Tomelin, diz que ainda não foi notificada e portanto desconhece o conteúdo da queixa entregue à OAB. Tomelin afirma que, tão logo seja possível, fará sua defesa. A advogada disse ainda que a ação é uma tentativa de intimidá-la e que a Mesa Diretora da Câmara não vai silenciá-la.





199 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page