top of page

Araquari inova no atendimento às mulheres

Prefeitura lança canal para denúncia e atendimento às mulheres vítimas de violência

Prefeito Clenilton Pereira enfatiza que Araquari é a única cidade em Santa Catarina com uma lei focada em auxiliar mulheres em situações de agressão e risco social.


A Prefeitura de Araquari, através da Secretaria de Assistência Social, divulga ações de combate à violência contra a mulher. Nas redes sociais, a campanha “não se cale”, informa sobre os tipos de violência e fala da importância da denúncia.


Sensíveis ao tema, a gestão tem criado políticas públicas para o atendimento às mulheres vítimas de agressão e realizado campanhas de combate à violência, nos Cras e Creas, do município.


Araquari é a única cidade, no Estado, a ter uma Lei chamada Auxílio Maria da Penha. Um auxílio de até R$1,6 mil para as mulheres vítimas de violência doméstica, pagos durante seis meses.


Além disso, a Secretaria de Assistência Social criou um fundo dos direitos da mulher, o que possibilita ao Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (COMDIM) ser mais atuante na proteção de todas as araquarienses.


O programa Café com Direitos, também criado pela SAS, é um encontro com mulheres vítimas de agressão, mediado por uma equipe multidisciplinar, para que elas possam compartilhar histórias e superar, de uma forma mais leve, a violência sofrida.


Nesse ano, a prefeitura aprovou a Lei 404/2023, que impede que condenados pela Lei Maria da Penha assumam cargos públicos direta ou indiretamente.


Em parceria com a Polícia Civil, a gestão implantou a Sala Lilás, um lugar, dentro da delegacia, para um atendimento mais humanizado às vítimas, com plantão 24h, por dia.


Está em fase de conclusão, também, um edital para contratação de uma instituição que faça o acolhimento de mulheres vítimas de agressão e seus filhos, em situação de risco social. Será um local seguro, protegido e com uma equipe multidisciplinar que vai dar todo o encaminhamento jurídico e apoio psicológico à essas pessoas.


Além dessas medidas, a prefeitura de Araquari, através da SAS, lançou um canal de atendimento exclusivo para denúncias e atendimento às mulheres vítimas de violência. As pessoas podem entrar em contato por ligação, ou través do WhastApp pelo número 47 98462-5624. O atendimento é feito em horário comercial. Para denúncias, o munícipe, também, pode entrar em contato através do número 180.


“Sempre falo que quando a gente cuida da mulher, estamos cuidando de toda a família. É imprescindível que existam políticas públicas para o acolhimento das vítimas e para que essas mulheres possam se estruturar e sair do ambiente em que sofrem violência. Somos a única cidade em toda Santa Catarina, a ter uma Lei voltada ao auxílio de mulheres vítimas de agressão e que estão em risco social. É nosso dever cuidar das nossas mulheres e é dever de todos não se calar, de você presenciar algum tipo de violência, denuncie”, explica o prefeito de Araquari, Clenilton Carlos Pereira.


97 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


bottom of page