top of page

Thiago Wild vence Medvedev e faz história em Roland Garros


Tenista brasileiro bate o número 2 do mundo

foto: AFP


Jogando no principal palco de Roland Garros, a quadra Philippe Chatrier, Thiago Wild fez história nesta terça-feira (30). O brasileiro de 23 anos, 172º colocado do ranking mundial, derrotou Daniil Medvedev, segundo melhor jogador do planeta na atualidade.


A partida válida pela primeira rodada do Grand Slam disputado no saibro francês durou mais de quatro horas e foi vencida pelo tenista paranaense por 3 a 2 (7/6, 6/7, 2/6, 6/3 e 6/4).


Thiago Wild conseguiu vaga em Roland Garros depois de passar pelo qualifiyng e está na segunda rodada do torneio. Agora, ele encara o vencedor do confronto entre o argentino Guido Pella e o francês Quentin Halys


A vitória sobre o Medvedev entra para a história do tênis brasileiro. Desde 2004, quando Guga bateu Roger Federer em Paris, nenhum tenista nascido no país vencia um top-5 em partida válida por Grand Slam.


O jogo


Apesar da quebra sofrida logo no primeiro game, Thiago Wild mostrou desde o início que conseguiria jogar de igual para igual com Daniil Medvedev. O brasileiro conseguiu devolver a quebra ainda no início do set, seguiu jogando bem, e venceu o tiebreak por 7 a 5.


No mesmo ritmo, o jogo seguiu equilibrado na segunda parcial, desta vez sem quebras. No tiebreak, o paranaense conseguiu liderar o placar e ter dois set points. Sacando em 6 a 4, ele errou uma direita fácil e permitiu a recuperação do russo. O segundo colocado do ranking mundial aproveitou os erros e fez 8 a 6 para empatar a partida.


Depois de perder a oportunidade de abrir 2 a 0, Thiago Wild teve queda de desempenho e foi dominado por Medvedev no terceiro set. Com duas quebras de saque sofridas, o brasileiro perdeu a parcial por 6 a 2.


Mesmo atrás no placar, o paranaense não desistiu da partida e conseguiu retomar o melhor desempenho. Para se manter vivo no jogo, ele se recuperou, dominou o adversário, e venceu o quarto set com por 6 a 3.


Com os dois tenistas mais tensos, o quinto set foi marcado pelas quebras de serviço. Thiago Wild conseguiu vencer dois dois três primeiros games no saque de Medvedev, mas também sofreu as quebras logo na sequência.


O brasileiro conseguiu uma quebra a mais em relação ao russo e jogou com confiança para sacar bem e fechar o set final em 6 a 4.







137 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page