top of page

Cosméticos naturais ganham popularidade entre os brasileiros

Atualizado: 21 de jul. de 2021

Consumidores estão mais atentos aos impactos ao meio ambiente e à saúde, diz estudo.



Em tempos de conscientização ambiental, a busca por uma vida saudável e sustentável tem sido cada ano mais presente em nossos dias. A vasta gama de informação, juntamente com o consumo consciente, tem trazido grandes mudanças para o mercado da beleza.


Com essa nova tendência, a procura e a aquisição desses produtos têm ganhado grande espaço pelo mundo. O que consumimos diariamente tem grande impacto não somente no meio ambiente, mas também na saúde.


Você já imaginou quais os componentes de um simples cosmético, como um creme rejuvenescedor ou aquele batom que você não tira? Hoje em dia, cada vez mais consumidores procuram saber o que é consumido, e para muitos deles ler o rótulo já é uma necessidade.


Isso é o que conta a assistente de comunicação Catherine Kuehl, de 28 anos. Para ela, substituir os cosméticos, seja maquiagem, produtos de higiene pessoal, é uma das ações mais fáceis de realizar para contribuir com a diminuição do impacto ambiental e da crueldade animal. “Tem produtos veganos bons no mercado, diferente da comida, que muitas vezes é preciso descobrir novos sabores, abrir o paladar”, conta a assistente. “Se estiver na rua pode ser difícil achar um lugar que venda comida vegana, mas mudar a marca do shampoo não muda a rotina”, finaliza.


A rotina na procura constante por produtos que não testam em animais começou cedo para a assistente. De acordo com ela, aos 17 anos ela percebeu a gravidade do assunto. “Eu tenho uma memória da minha época de adolescente, onde eu estava no banheiro e peguei um frasco de um produto da Natura que a minha mãe usava e comecei a ler o rótulo. Nele estava escrito “testado dermatologicamente”. E aí me assustei.”, conta. “É uma verdade difícil de aceitar”, afirma Kuehl.


É importante entender que produtos veganos, orgânicos e naturais têm diferença entre si. Os cosméticos considerados naturais, por exemplo, são os que contém 95% dos ingredientes de matéria-prima natural e não podem contar os ingredientes proibidos, como parabenos e petrolatos.


Os produtos de cosméticos orgânicos são aqueles que utilizam matérias-primas certificadas como orgânicas, ou seja, sem adição de químicos ou fertilizantes. Já os cosméticos veganos não utilizam matérias-primas de origem animal e nem são testados em animais. Assim, os cosméticos veganos não são necessariamente naturais, pois podem usar insumos sintéticos.


Além disso, você pode encontrar cosméticos cruelty free (em português: livres de crueldade), aqueles que não fazem testes em animais. Em muitas indústrias de cosméticos, higiene e produtos de limpeza, o uso de testes em animais é tão comum que é quase tradição.


Em geral, esse tipo de teste dermatológico visa identificar possíveis reações adversas das substâncias utilizadas ou comprovar a eficácia das mesmas. Entretanto, com a evolução tecnológica na área, muitas empresas estão aderindo ao movimento e realizando testes alternativos.

10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page