top of page

Modernização do Transporte Público em Joinville

Tome Nota com Enio Alexandre


Ônibus do transporte coletivo de Joinville não terão mais pintura amarela


Em meio às transformações urbanas e mudança de costumes, o transporte público por ônibus em Joinville enfrenta desafios consideráveis. A perda de passageiros, agravada pela pandemia de covid-19, é um reflexo de uma realidade nacional, conforme indicado pelo Anuário 2022/2023 da Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos.

Desde 2019, o setor de ônibus urbano no Brasil testemunhou uma queda de quase 25% na demanda, resultando em uma perda de 8 milhões de deslocamentos diários. As razões para esse declínio são muitas, desde mudanças nos hábitos pós-crise sanitária até a concorrência com aplicativos de mobilidade, falta de segurança e insatisfação com os serviços oferecidos.


A corrida para recuperar passageiros é desafiadora. A modernização do sistema é apontada como o caminho inevitável para oferecer aos consumidores o controle de seus deslocamentos. A informação é a chave, e é nesse ponto que o transporte público precisa evoluir.

Em um mundo onde a previsibilidade se tornou a norma, o transporte individual por aplicativo elevou o padrão dos deslocamentos. As pessoas querem saber quando o ônibus vai chegar, o tempo de percurso, quanto vão pagar e a rota a ser seguida – tudo isso com a facilidade de pagamento pelo aplicativo.


A Prefeitura está propondo a modernização do transporte coletivo, evidenciada pelo edital de licitação em andamento. Uma enquete, baseada na identidade visual do Sistema de Mobilidade de Joinville (Simob), busca a opinião dos cidadãos até sobre o novo layout dos ônibus.

Não é apenas uma mudança estética. O Simob propõe um aumento no número de viagens, visando a atender as demandas da população. Ar-condicionado, wi-fi, câmeras de segurança, sinalização adequada, câmera de ré e sistema de comunicação para o motorista são especificações que estão na mesa para proporcionar uma experiência de viagem mais confortável e segura.


Esta é a primeira vez em 50 anos que o transporte coletivo de Joinville passa por uma licitação. O Simob, com seus quatro eixos - Mobilidade, Tecnologia, Infraestrutura e Transparência - quer garantir melhorias que reflitam em um serviço de qualidade e segurança ao usuário.

Uma coisa é certa, para o ônibus ser escolhido pela população como alternativa para deslocamentos é preciso que a experiência proporcionada seja confortável. Do contrário, os aplicativos, o uso de carros e motos vão continuar sendo a primeira opção.






170 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page