top of page
  • Foto do escritorRDB

Letrinhas do RDB com Roberto Dias Borba

Uma grande cidade de muito esporte


O Estádio Municipal de Futebol Djalma José da Conceição teve a festa de inauguração de sua primeira fase na tarde do último sábado, 26. O evento reuniu fora das quatro linhas uma numerosa multidão e dentro do campo de grama sintética estiveram as atrações anunciadas para o Jogo das Estrelas. Uma obra de vulto, que deverá sequência das obras para contemplar o restante dos equipamentos. Desde já, coloca Araquari em um patamar de destaque quando se trata de esporte e condições para a sua prática. O prefeito Clenilton Pereira recebe os parabéns pela desenvoltura e visão para aproximar a comunidade da prática esportiva e não apenas em se tratando se futebol. Ao mesmo tempo, não apenas o alcaide, mas todos os araquarienses merecem este importante empreendimento.


O prefeito Clenilton (à esquerda) e o craque Neto depois do Jogo das Estrelas

foto: Redes Sociais


Projeto para contemplar diversas modalidades


O esporte em Araquari não deve ficar restrito apenas ao futebol. O bairro Itinga, no extremo do limite com Joinville, deverá em breve receber as obras de construção de um verdadeiro complexo esportivo. O secretário de Cultura, Esporte e Turismo, Paulino Travasso, disse em linhas gerais que será uma imensa área para abrigar ginásio poliesportivo, pista de atletismo e até com uma piscina. É difícil encontrar na região e até no Estado um município que tenha uma proposta tão arrojada para contemplar o esporte, um segmento que é mais fácil ser reduzido e diminuído quando o assunto passa a ser redução de custos. Enquanto em Araquari vai ser um investimento em qualidade de vida por intermédio dos equipamentos para uso do esporte.


Depois do estádio municipal, Araquari volta as atenções para ampliar a atuação esportiva no bairro Itinga


Enquanto Joinville bate palmas


A festa de inauguração do estádio municipal de Araquari, mesmo ainda em sua primeira etapa, foi prato cheio para o desfile de políticos, incluindo uma grande quantidade de Joinville, muitos deles da base aliada do prefeito. Foram todos bater palmas para a realização do projeto de um município considerado pequeno, mas que tem o maior crescimento. Justamente Joinville que parou no tempo em relação a equipamentos para a prática esportiva. Recordo que a última proposta para contemplar o esporte estava no plano de governo do candidato Marco Tebaldi, que se fosse eleito (nem chegou ao segundo turno) seria a construção de uma vila olímpica, quase nos moldes que Araquari pretende erguer nos próximos dois anos.


Schwenck reforça o Caxias


O atacante Schwenck, o cidadão Cléber Schwenck Tiene, chega ao Gualicho com toda sua experiência para resolver o terrível problema da falta de gols e quem os faça para o alvinegro na fase classificatória da Copa Interligas Vale e Norte. O Caxias tem ainda um jogo desta fase e precisa apenas do empate contra o lanterna francisquense Estrela Azul. O confronto ocorre no domingo, 3 de abril, no Ernestão, a partir das 16 horas, quando Schwenck deverá estar estreando.


Basquete feminino sub-22 na frente


O certame catarinense de basquete feminino sub-22 conta apenas com três equipes. A fórmula encontrada foi de realizar três triangulares, um em cada sede dos participantes, levando o título quem somar mais pontos ao final da terceira rodada. O JEC/Ginástico saiu com o melhor desempenho no triangular do último final de semana em Blumenau – vitórias nos dois jogos. O time joinvilense venceu o Mampituba de Criciúma por 70 a 51 e as anfitriãs Blumenau por 68 a 62. Os dois próximos triangulares – Criciúma e Joinville – ainda não têm datas.


JEC/Ginástico foi o melhor no primeiro triangular

foto: Divulgação/ JEC/Ginástico


Quatro jogos valendo uma vaga


Das quatro vagas de cada um dos dois grupos para a segunda fase da Copa Interligas Vale e Norte, apenas uma ainda está indefinida. Este jogo será realizado no Ernestão, no próximo domingo, 4 de abril, às 16 horas, quando o Caxias precisa apenas do empate contra o francisquense Estrela Azul, pelo grupo B.


Floresta de Pomerode, Flamengo de Jaraguá do Sul, Sercos (folga na última rodada) e Serbi, ambos de Joinville, já estão mapeados pelo grupo A. O Atlântico de Balneário Barra do Sul ainda pode alcançar a Serbi em número de pontos ganhos, mas tem que tirar uma diferença de sete gols negativos.


Pelo grupo B, Vera Cruz de Pomerode, Pirabeiraba, que folga na última rodada, e Cidade Nova de Itajaí não podem mais ser ultrapassados. Caxias, com um ponto, e Estrela Azul, sem pontuação, disputam a última vaga.



Vila Nova em época de mata-mata


Em jogo único, a 6ª Copa Vila Nova já tem definidos os confrontos das quartas de final. Os jogos serão realizados em dois locais, na manhã de domingo, dia 4, com a primeira partida às 8h15, ficando o jogo principal para as 10 horas. No campo da estrada Anaburgo jogam União Estrada Blumenau x Joinville United (2º do grupo A x 3º B) e ainda Águas Vermelhas x Patriots (1º B x 4º A). No Estádio Carlos Stamm, campo do Avaí, a outra rodada dupla terá Revolucionário x Tigres (2º B x 3º A) e Nordeste x União Nacional (1º A e 4º B). Foram eliminados na primeira fase os times do Avaí e Geração, no grupo A, Independente Del Costa e Unidos da Vila, no B.

174 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

תגובות


bottom of page