top of page
  • Foto do escritorRDB

Letrinhas do RDB com Roberto Dias Borba

Uma novidade em época de técnicos portugueses


Os grandes clubes do futebol brasileiro assumiram a postura de entregar o comando técnico de seus times para treinadores estrangeiros, especialmente os portugueses. Em terras, ou campos, da colônia Dona Francisca este critério, mania ou moda ainda não chegou. E deve passar bem longe. No time do Nego Buja Futebol Clube, que neste ano chega pela primeira vez na Segundona, Pingo (Claudemir da Silva), vice-campeão da Terceirona de 2021, passou o bastão para Massico (Marcio Luiz da Cruz), coincidentemente campeão pelo Adhemar Garcia da Terceirona do ano passado, ainda atuando nas quatro linhas. Depois de um longo período em campo, tanto nos gramados, como nas quadras de futsal, Massico passa para o lado de fora e assume a condição de treinador. Experiência ele tem de sobra. Foi um jogador vencedor por onde passou e tem no futebol a mesma paixão do pai - Arceu Quirino da Luz – que atuou na arbitragem da Liga Joinvilense de Futebol até o início dos anos 1980.



O time do Nego Buja, com Massico (primeiro em pé à esquerda) estreando como treinador


Foto: Edigilson Gelinski



Sem parar, igual carro em pedágio


Em julho de 2016, ao ser anunciado pelo América, João Maria Lima do Nascimento garantiu que estaria abreviando sua atuação no futebol. O atacante, que se tornou o maior artilheiro do JEC, dali para frente, não hesitou em aproveitar todos os convites que foram aparecendo. Perto de completar 40 anos, a transferência mais recente foi anunciada nesta semana, quando o atacante se tornou um dos reforços do Floresta de Pomerode para a Copa Interligas Vale Norte. A estreia será no dia 6 de março, em Pomerode, contra o Atlântico de Balneário Barra do Sul. Além de Lima, o Floresta recorreu a outros jogadores que estavam vinculados a times de Joinville.



Joinvilense na seleção catarinense sub-20


O vôlei masculino de Joinville sempre tem seus destaques convocados para integrar seleções catarinenses. O caso mais recente é do treinador Alberto Rodrigues Holanda, da Avojoi, que será o auxiliar de Evandro, da ADC Terra Fime, de São José, que estará disputando o Campeonato Brasileiro de Vôlei masculino sub-20. A competição está prevista para maio, em Brasília.



Nova Brasília comanda o Sul


Uma competição com seis meses de duração, apenas com o intervalo entre Natal e o ano novo, a Copa Sul teve sua conclusão na semana passada. O título de campeão ficou com o Nova Brasília, numa campanha de 10 vitórias, dois empates e três derrotas. Na primeira fase, líder do grupo B, o Nova Brasília entrou na disputa e engatou cinco vitórias seguidas. A conquista do Nova Brasília foi completa: troféu de campeão, goleiro menos vazado (João Ghisi) e troféu disciplina.


O elenco deve se reunir em breve para uma nova competição - a Copa 100 Preconceito. Caso ocorra o Copão Kurt Meinert, a agremiação pretende participar. O projeto para 2023 é estar entre os participantes da Terceirona da LJF.


Os resultados da primeira fase garantiram a liderança do Nova Brasília no grupo B, com 24 pontos ganhos: 2 x 1 Atlético Jariva, 2 x 0 Unidos do Morro do Meio, 4 x 2 Manchester, 3 x 1 Sensação, 2 x 7 Urubuquara, 0 x 3 Real Atlântico, 6 x 0 Bayern, 2 x 0 Botafogo e 3 x 2 Mais ou Menos. Nas oitavas de final, o NB venceu Unidos por Acaso por 3 a 0. Empatou por 1 a 1 pelas quartas de final com o Urubuquara penalidades e ganhou nos pênaltis por 5 a 4. Na semifinal venceu o Manchester City por 2 x 1. E na final empatou com 0 Sensação por NB 1 a 1 e conquistou o troféu de campeão na cobrança de pênaltis por 5 a 4. A decisão e todos os jogos foram realizados no Estádio Severino Fiamoncini, no Jativoca.


O penúltimo campeonato que o Nova Brasília participou também foi campeão pela Liga da Amizade.



Nova Brasília comemora a conquista da Copa Sul


Foto: Divulgação/Nova Brasília




Juventus estreia na Copa Teté


Semifinalista da Primeirona do ano passado, o Juventus do Iririú entra campo neste domingo, dia 27, visando a preparação para as competições desta temporada. O primeiro jogo do ano do Moleque Travesso será na 13ª Copa Teté, enfrentando o time que irá representar o Tamandaré (o Amigos do Galo/Estacas/Maiv). Nesta rodada, os times do grupo B estarão atuando pela manhã, com o primeiro confronto às 8h15 e logo depois o segundo jogo às 10 horas.


Pela manhã atuam Grande Família x Rei da Lavação e Amigos do Galo/Estacas Maiv c PVC Trade/Juventude. À tarde, a partir das 14 horas, entram em campo no estádio Osvaldo de Oliveira Cercal os times do grupo: JE Transportes e Turismo x União do Oeste. E às 15h45 atuam Nego Buja x Ecuardor.



Domingo de atrações no Municipal de Araquari


A terceira rodada do Municipal de Futebol de Araquari promete atrações e emoções nos seis jogos previstos para a tarde deste domingo, dia 27. No grupo A, três times embolados com quatro pontos podem ampliar suas posições – Desportivo CSA/Tegma, São Paulo e Juventude. Enquanto no B, o Tigre, líder isolado, pode ser alcançado pelo Volta Redonda, Boca Júnior, Real Raia/Caxias e Atlético Fagundes.


Em rodada dupla em três locais, a pro0gramação começa às 13h45 e o jogo principal fica para as 15h45. No Batistão estarão jogando Garra x Volta Redonda e São Paulo x Ponte Preta. No Estádio Marcos Tomazelli os jogos serão Boca Júnior x Real Raia/Caxias e Desportivo CSA/Tegma x Tricolor. E no Estádio Eduardo Lickfett atuam Centro/CCP x Juventude e Atlético Fagundes x Tigres.



Volta Redonda venceu na estreia


Foto: Divulgação/Volta Redonda




Folga durante a folia no Vila Nova


A bola só volta a rolar pela Copa Vila Nova no dia 6 de março. A folga deste final de semana estava prevista, mas o carnaval ficou apenas no calendário. A folia será trocada pela preservação dos cuidados com a saúde. Já foram realizadas duas rodadas e ainda restam outras três para o complemento da primeira fase.



Esporte passando o prato


Os governos passam e o esporte de Joinville sempre precisa encontrar as próprias alternativas para conseguir sobreviver. Depois dos degradantes “pedágios” nas esquinas das ruas centrais, as modalidades esportivas joinvilenses promovem a terceira edição do Carreteiro do Esporte, uma maneira menos desgastante para atletas e dirigentes. O melhor seria que as modalidades e seus praticantes tivessem um apoio efetivo dos governantes. O evento deste ano ocorre no dia 12 de março, tendo por local o Kartódromo de Joinville, na rua Dorotóvio do Nascimento, 2.290. Cada almoço será servido ao preço de 30 reais.



Na reta decisiva no futsal joinvilense


Neste sábado, dia 26, e na próxima terça-feira, dia 1º de março, o Aberto de Futsal, em disputa do Troféu Ideraldo Luiz Marcos, o ritmo das quartas de final deverá ser igual ou mais intenso do que ocorreu até agora. O Ginásio Abel Schulz mantém a mística dos grandes jogos desde que surgiu o futebol de salão em terras de Francisca.


Neste sábado, a partir das 18h45, estarão em quadra MaxCar x Ambalit e, logo em seguida, Quadra do Sid x Boleiros Beach. A sequência desta fase será no dia 1º de março, às 19h30, jogam Salles x Verde Teto e Ceppli x Sporting.


Os jogos da segunda fase foram de intensa emoção. Confira os resultados: Quadra Sid 6 x 0 Misturados, MaxCar 7 x 0 Ecoflex, Ceppli 7 x 3 BellaArt, Descubra 4 x 5 Boleiros Beach, Sales/Start Proteção Veicular 2 x 0 Amigos do Nelsinho, Evolution 3 x 4 Sporting, Ambalit 3 (10) x 3 (9) Furacão Cantareira e Verde Teto 2 x 1 Faseboa.


190 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page