top of page
  • Foto do escritorRDB

Letrinhas do RDB com Roberto Dias Borba


Quatro décadas na mesma quadra de tênis


O garoto que chegou em Joinville em 1978, a convite de Zeca S. Thiago, completou no início deste ano um dos ciclos mais longevos de um profissional do tênis. Luiz Carlos Hartkopf, o professor Luizinho, se despediu de suas atividades no Joinville Tênis Clube. Ele tinha o sonho de prosseguir por mais tempo no clube, mas agora se dedica a novas atividades em Joinville e também no balneário Enseada, em São Francisco do Sul. Antônio Carlos, o Preto, é outro professor de tênis do JTC, após 23 anos, também não faz mais parte do quadro de instrutores do clube.


Luizinho só tem a agradecer a cada um dos dirigentes do JTC, iniciando por Zeca S. Thiago, junto com Max Bornholdt, Aluísio Iso Condeixa, Sílvio Silva, e ainda o início do mandato de Valdeci Pereira, além de alunos, sócios e funcionários do clube. A experiência de mais um “velhinho” está sendo reaproveitada em novos projetos.


Professor Luizinho Hartkpof, uma história dedicada ao tênis



Araquari sai na frente e dá exemplo


Entre os municípios que estarão formando a futura Região Metropolitana Norte-Nordeste Catarinense, Araquari sai na frente quando o assunto é colocar a comunidade em campo numa competição municipal de futebol. No início do segundo mês do ano, o futebol de Araquari não perde tempo, como acontece em outros lugares, e já tem tudo definido para o início do certame municipal, marcado para o próximo final de semana, dia 12. Os clubes respondem ao chamamento da Setur (Secretaria Municipal de Turismo, Lazer e Esporte), com o comando de Paulino Travasso, e tornam a competição uma excelente oportunidade para a integração comunitária, com jogos distribuídos por diferentes bairros a partir de Araquari.


Organizadores e participantes do municipal de Araquari reunidos no congresso técnico


Fórmula, tabela e tudo que se refere a organização


O Campeonato de Futebol de Araquari, em disputa da Taça Ideraldo Luiz Marcos, com 13 times distribuídos em dois grupos na primeira fase e os quatro primeiros colocados de cada um dos grupos estará na segunda fase. Os quatro melhores das quartas de final (em jogos definidos por cruzamentos) passam para as semifinais. E apenas os dois melhores estarão na grande final.


No grupo A estarão atuando Ponte Preta, Tricolor, Juventude, São Paulo/Itinga, Centro/CCP e Desportivo CSA/Tegma. E na B estão Volta Redonda, Atlético Fagundes, Tigres, Porto, Boca Júnior, Garra e Real Raia/Caxias.



Incentivo com premiação em espécie


Troféus e medalhas para o campeão e o vice, medalhas para o terceiro colocado e ainda troféus para o goleiro menos vazado e para o artilheiro. Os quatro primeiros colocados também receberão um incentivo financeiro, que estará distribuído com 5 mil reais para o campeão, 2.500 reais para o vice, 1.500 reais para o terceiro e ainda 1 mil reais para o quarto colocado. Esta forma de premiação é umas prática que passou a ser adotada em diversas competições, como forma de motivar os times para baixar seus custos de participar do evento.



Indícios de existência e sobrevivência


As competições nos bairros de Joinville estão servindo de demonstração que o futebol encontra exemplos dos mais variados para se manter, mesmo que não tenha a mesma resposta dos canais oficiais. Até mesmo municípios de menor porte da região, como é o casso de Araquari, já tem tudo pronto para iniciar a temporada de 2022, além da proposta em andamento de disponibilizar um estádio municipal com grama sintética.


Tudo isso para encontrar o posicionamento de Joinville, que tem o esporte numa redoma ou numa secretaria. Pelos indícios, depois de dois anos sem nenhuma atividade envolvendo a comunidade, com a desculpa da pandemia, existem rumores que vai ocorrer uma convocação da Sesporte para o mês de abril com a finalidade de uma aproximação com as agremiações varzeanas. É hora de sair da moita e este pessoal sair para conhecer os bairros de Joinville.


Futebol na ponta da caneta


A Liga Joinvilense de Futebol abre os trabalhos na noite desta segunda-feira, dia 7, ao receber os representantes dos clubes que estarão disputando as categorias de base. Suprimindo infelizmente o sub-20, a garotada terá outras quatro categorias para mostrar seu potencial. As categorias sub-28, sub-16, sub-14 e sub-12 estarão realizando os congressos técnicos na sede da LJF, no Edifício Rudenas, 337 – salas 301 e 302, na rua 9 de Março (bem na frente do terminal urbano do centro).


As três principais séries do futebol de Joinville, abrangendo também clubes da região, terão os arbitrais logo a seguir. Sempre nas segundas-feiras, iniciando às 19h30, a Primeirona reúne os clubes no dia 14 de março. Duas semanas depois, no dia 28 de março, é a vez da Segundona definir a fórmula da competição. Enquanto a Terceirona fica para o dia 4 de abril.


Fórmulas e regulamentos na mesa


Desde que foi apresentada a fórmula reduzida da fase inicial em apenas um turno, a Primeirona repete a mesma proposta há algumas temporadas. Até que é aceitável a sugestão das nove rodadas para apontar os dois rebaixados e os oito que seguem na disputa, além dos dois quadrangulares da segunda fase. O que ficou evidente no ano passado que poderia ser mudado é o formato das semifinais em ida e volta, já que a decisão é em jogo único. Quem é dos dirigentes que estaria propenso a chegar no arbitral com uma fórmula inovadora e eficiente.


Aberto de Futsal em ebulição


Em duas rodadas já realizadas e a terceira prevista para este sábado, dia 5, o Aberto de Futsal, em disputa do Troféu Ideraldo Luiz Marcos, tem mostrado um novo momento do futebol de salão de Joinville, mesmo que o certame reúna muitas equipes de cidades da região.


O espaço reduzido da quadra do Ginásio Abel Schulz não está sendo obstáculo para os atletas encontrar espaço para criar boas jogadas e transformar em muitos gols. Talvez esteja aí o laboratório para a formação e o surgimento de novos talentos.


Os jogos das duas próximas rodadas.


Sábado (5/2)


18h45 - Ecoflex/Kaminsky/Contabilidade Grosskopf - Campo Alegre x Evolution (grupo F)


20 horas - Furacão 2000/Cantareira/Atalaia x Boleiros Beach Futsal (A)


21 horas - Descubra x Desportivo Leste (B)


Terça-feira (8/2)


19h30 - Nelsinho Lataria e Pintura/União do Oeste x Quadra do Sid/NB FC/STM (C)


20h30 - Fase Boa x Ceppli (D)


21h30 - Start Proteção Veicular/Sales Futsal/Auto Escola Aventureiro x Esporting RN/Bituvinha/Tão Tão (E)

216 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commenti


bottom of page