top of page

Filhos de Bolsonaro parabenizam policiais que mataram criminosos em Minas.


"Só vagabundos reclamarão". Eduardo Bolsonaro. foto: Agência Brasil


O senador Flávio Bolsonaro (PATRI) e o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) parabenizaram os policiais envolvidos na ação que desmantelou uma quadrilha suspeita de assaltar instituições financeiras. Os parlamentares utilizaram as redes sociais para exaltar o sucesso da operação conjunta da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Varginha, no Sul de Minas.


“Nenhum policial morto. Parabéns PRF e PMMG. Fiquem tranquilos, só vagabundos reclamarão”, escreveu Eduardo Bolsonaro. A operação resultou na morte de 25 suspeitos. Nenhum policial ficou ferido.


“Apreensão de fuzis, munições, granadas, explosivos e, após confronto, 25 criminosos tiveram a conversa antecipada com o capiroto. [...] Parabéns aos nossos policiais pelo brilhante trabalho. Todos estão bem!”, escreveu o senador Flávio Bolsonaro.


Segundo a PM, a quadrilha especializada no “novo cangaço”, assalto a bancos que usa armamento com potencial de guerra, é a mesma que atacou as cidades de Araçatuba, no interior de São em Paulo em agosto, Criciúma, em Santa Catarina, em dezembro de 2020, e Uberaba, no Triângulo Mineiro, em 2017.


Operação


A operação conjunta entre Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal e Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) resultou na morte de pelo menos 25 suspeitos de pertencerem a uma quadrilha de roubos a bancos neste domingo (31/10) em Varginha (MG). De acordo com a PM, os suspeitos seriam especialistas neste tipo de crime.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, os confrontos com os homens ocorreram em dois sítios diferentes localizados em duas saídas da cidade. Na primeira, os suspeitos atacaram as equipes da PRF e da PM, sendo que 18 criminosos morreram no local. Em uma segunda chácara, conforme a PRF, foi encontrada outra parte da quadrilha e neste local, após intensa troca de tiros, sete suspeitos morreram.


Quadrilha possuía armamento pesado. foto:PM/MG


Fuga


Os criminosos pretendiam utilizar um caminhão com fundo falso para fugir após a ação criminosa. A apreensão do veículo poderá ajudar para futuras abordagens policiais devido ao compartimento secreto de difícil acesso na carreta.


Quadrilha pretendia fugir num caminhão. fotoPRF

Fundo falso surpreendeu policiais. foto:PRF

332 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


bottom of page