top of page

Aeroporto de Joinville é destaque


Aeroporto de Joinville teve aumento no número de passageiros no primeiro semestre


A concessionária CCR Aeroportos, empresa do Grupo CCR que opera aeroportos em quatro das cinco regiões brasileiras, informou nesta semana que registrou o aumento significativo no número de passageiros transportados em seus 14 aeroportos com voos comerciais durante o primeiro semestre de 2023.


Ao todo, 8.770.601 passageiros embarcaram e/ou desembarcaram nos aeroportos operados pela administradora no Brasil entre 1 de janeiro e 30 de junho deste ano. Esse número representa um crescimento notável de 22% em comparação ao mesmo período de 2022, quando 7.182.663 passageiros circularam pelos terminais.


O Aeroporto Internacional de Curitiba – Afonso Pena, em São José dos Pinhais (PR), com 2.566.220 passageiros, manteve-se como o mais movimentado entre os 14 equipamentos, consolidando-se como um importante centro de conexões aéreas na região Sul do país.


A CCR Aeroportos destaca, ainda, o excelente desempenho do Aeroporto Lauro Carneiro de Loyola, em Joinville (SC), do Aeroporto Internacional das Cataratas, em Foz do Iguaçu (PR) e do Aeroporto Internacional Santa Genoveva, em Goiânia (GO), que registraram os maiores crescimentos em relação ao mesmo período do ano anterior, com taxas de 123%, 48% e 25%, respectivamente.


“Estamos satisfeitos com os resultados obtidos nos primeiros seis meses de 2023. O crescimento de 22% no número de passageiros demonstra o sucesso das nossas estratégias de gestão e a confiança do público em nossos serviços. A CCR Aeroportos tem se dedicado incessantemente para proporcionar aos passageiros uma experiência aeroportuária segura e confortável, e esses resultados são reflexo de nosso comprometimento com a excelência operacional e o contínuo investimento em infraestrutura”, afirma o CEO da CCR Aeroportos, Fabio Russo.


Além dos quatro equipamentos acima citados, a concessionária também administra os aeroportos de São Luís (MA), Imperatriz (MA), Teresina (PI), Petrolina (PE), Palmas (TO), Londrina (PR), Navegantes (SC), Bagé (RS), Uruguaiana (RS) e Pelotas (RS), todos estes com operações de voos comerciais. A empresa administra, ainda, os Aeroportos da Pampulha em Belo Horizonte (MG) e do Bacacheri, em Curitiba (PR), dedicados exclusivamente à aviação geral.


R$ 20 milhões para o Aeroporto de Joinville


Na sexta-feira (11), durante a solene cerimônia de transferência simbólica da capital de Santa Catarina para São Francisco do Sul, o governador Jorginho Mello anunciou importantes investimentos para Joinville, incluindo uma licença ambiental para a construção de um novo terminal de cargas no aeroporto.


O Aeroporto de Joinville, que já abriga um Terminal de Logística de Carga desde 1974, enfrenta uma crescente demanda logística na região Norte do Estado, que não pode mais ser totalmente atendida pelas instalações atuais. Com a entrega da licença ambiental, o caminho está aberto para a construção de um novo terminal de cargas, a ser operado pela empresa Ponta Negra Logística.


Segundo o Governo de Santa Catarina, o investimento estimado para esse projeto é de R$ 20 milhões. O novo terminal terá uma área total de 16,4 mil m² e contará com diversas estruturas, incluindo um Galpão TECA (Terminal de Logística de Carga), espaço para armazenamento de carga viva, um prédio de apoio, terminal para artigos perigosos, edifício de manutenção, área logística do aeroporto, guaritas e uma central de resíduos.




109 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page